Reciclagem de eletrônicos

Reciclagem de eletrônicos

RECICLAGEM DE MATERIAL ELETRÔNICO LONGE DO IDEAL

assespro_mg_lixo_eletronico.fwFalta de incentivo. Maioria dos aparelhos é descartado de forma irregular. Apenas 5% de tudo que pode ser reaproveitado passa pelas empresas

Um celular ultrapassado, uma televisão quebrada ou um computador que já não funciona mais. O descarte de produtos eletrônicos velhos é cada vez mais comum e se tornou uma rotina perigosa, segundo levantamento da ONU (Organização das Nações Unidas). O relatório mostra que cada pessoa joga fora, de forma inadequada, uma média de 7 kg de equipamentos todos os anos. A previsão é de que a “montanha” de lixo eletrônico no mundo cresça 33% até 2017. Especialistas criticam a falta de políticas governamentais para estimular a reciclagem de eletrônicos.

Para o presidente da Assespro-MG (Associação das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação de Minas Gerais), Marcello Ladeira, a legislação atual não incentiva empresários e a população a adotarem a prática. “O índice de reciclagem do lixo eletrônico, no Brasil, é abaixo de 5%”, lamenta Ladeira ressaltando o potencial da iniciativa. “Praticamente tudo pode ser reutilizado e há equipamentos que possuem até ouro em sua composição”, disse.

O posto de coleta da Assespro-MG, na avenida Afonso Pena, região Centro-Sul de Belo Horizonte, recebe todos os meses quase uma tonelada de materiais. Ricardo Newton, por exemplo, é um dos poucos que atuam no ramo de reciclagem de eletrônicos na capital. Há quatro anos, abriu um empreendimento em Betim, na região metropolitana de BH, que recebe em média 40 toneladas de material eletrônico reciclável. De acordo com o empresário, a reciclagem ainda é vista como uma atividade marginal e, por isso, não há tantos investimentos na área. “As próprias indústrias compram os produtos como se fossem sobra de material. A prática deveria ser vista como parte da cadeia produtiva”, defende Newton.

Segundo ele, a principal dificuldade do setor é recolher os equipamentos e incentivar a prática pela população. “Todo mundo tem algum equipamento que já não é utilizável em casa, mas não sabe o que fazer com ele”, citou.

Uma empresa júnior do curso de engenharia química da UFMG promove todos os anos campanhas na universidade para recolher o lixo eletrônico. “Encaminhamos todo o material para uma empresa especializada que dá o destino correto ao material. Além disso, podemos conscientizar as pessoas sobre os riscos desses objetos”, comenta a coordenadora do Núcleo Social da Mult Jr., Isabela Guimarães. No semestre passado, a ação coletou mais de 400 kg de lixo tecnológico na UFMG. Foram entregues pelos alunos itens muito velhos como fitas de vídeo cassete até monitores de tubo e impressoras antigas. “Muitos desses itens têm diversos metais pesados, peças tóxicas e objetos que liberam gases. Se forem para o lixo comum e ficar no meio ambiente contaminam o solo e água”, disse Isabel.

Falta de publicidade 

O professor de projetos da UFMG, César Mendonça, afirma que há iniciativas do poder público para a questão, porém com pouca publicidade. Outro problema, segundo ele, é a política dos fabricantes que aumentam os preços das peças e encarecem o conserto desses materiais. “Isso incentiva as pessoas a jogarem fora”, conclui.

Confira os locais em Belo Horizonte onde há coleta de lixo eletrônico:

  • Cruzeiro: Assespro-MG – Avenida Afonso Pena, 4.000
  • Estoril: Faculdade Pitágoras – Av. Raja Gabaglia, 3.125
  • Carlos Prates: Litium Informática – Rua Padre Eustáquio, 443
  • Funcionários: Shopping Pátio Savassi – Av. do Contorno, 6.061
  • Sion: Estacionamento Sion – Rua Grão Mongol, 842

Site que compra celular antigo atende Minas

Desde dezembro, quem tem um celular velho e parado em Minas Gerais já conta com a opção de encaminhar os aparelhos para reapoveitamento ou reciclagem sem sair de casa e ainda pode ganhar dinheiro com isso.

Administrado pela startup paulista Recomércio, o site redial.net.br oferece essa vantagem. É simples. O internauta pesquisa o modelo do celular no site para descobrir até quantos reais vale o celular parado em casa. O aparelho pode estar funcional ou não. Após a cotação online, caso haja interesse, o celular deve ser enviado pelos Correios para uma avaliação.  Se o proprietário concordar com o preço, o valor é depositado na conta dele em até 72 horas. De acordo com a Recomércio, no caso da reciclagem, mais de 80% de um celular pode ser reaproveitado. Os celulares velhos comprados pela Redial são recondicionados para terem um prolongamento da sua vida útil. Os que estão em boas condições de uso são revendidos como aparelhos de segunda mão no Brasil e, às vezes, até exportados para países em desenvolvimento (na Ásia e África).

Os celulares que não puderem ser recondicionados são enviados para uma cooperativa de inclusão social responsável pela gestão do fim da vida útil dos produtos eletrônicos. Segundo dados da Anatel, apenas 2% dos brasileiros encaminham os seus celulares para a reciclagem. Hoje existem mais de 270 milhões de aparelhos em funcionamento.

Artigo encontrado em: http://www.assespro-mg.org.br/index.php/reciclagem-de-material-eletronico-longe-do-ideal/

 

Somos parte da rede de pontos de coleta da empresa Emile, sediada em Betim/MG: 

  • CARLOS PRATES
    Litium
    R. Padre Eustáquio, 443

 

  • CASTELO
    Centro de Educação
    Ambiental do Prog. Pampulha
    R. Radialista Ubaldo Ferreira, 20

 

  • CENTRO
    AMITECNO
    Rua da Bahia, 1.148
    Sala 602 – Edifício Maletta

 

  • CIDADE NOVA
    Santa Maria Cidade Nova
    R. Prof. Costa Chiabi, 15

 

  • CORAÇÃO EUCARÍSTICO
    Santa Maria Coração Eucarístico
    R. Itutinga, 240, Minas Brasil

 

  • SANTA EFIGÊNIA
    Certmidia
    Rua Padre Marinho, 323/3º andar

 

  • DONA CLARA
    Hemar Ltda
    R. Oscar Castanheira,112

 

  • ENGENHEIRO NOGUEIRA
    BH-TEC Parque Tecnológico
    Rua Professor José Vieira
    de Mendonça, 770

 

  • FLORESTA
    Santa Maria Floresta
    Rua Jacuí Nº 237

 

  • FUNCIONÁRIOS
    Natal Eletrônica
    R. Ceará 1140 A

 

  • HORTO
    Átria Informática
    Rua Pouso Alegre, 2892

 

  • NOVA SUÍÇA
    Santa Maria Nova Suiça
    R. Lindolfo de Azevedo, 345

 

  • PADRE EUSTÁQUIO
    Documento Point
    R. Aquidaban, 710

 

  • PLANALTO
    Santa Maria Pampulha
    R. Adelina de Sales Pereira, 273

 

  • SANTA INÊS
    Techmart
    Rua Vicente Risola, 830

 

  • SAVASSI
    LJ Telecomunicações
    R. Sergipe, 1041

 

  • SAVASSI
    Shopping Pátio Savassi
    Av. do Contorno Nº 6061
    São Pedro

 

  • SION
    Estacionamento
    R. Grão Mogol, 842

 

  • NOVA SUÍÇA
    Santa Maria
    R. Lindolfo de Azevedo, 345

Saiba mais em: https://emile.net.br/

 

Compartilhe: